Guia Taubaté
SEXTempo30º 18º
UV 14 - CPTEC-INPE

Você não possui o plugin (Flash) para visualizar este conteúdo.

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Taubaté empata com o Botafogo e está eliminado

Burrinho tenta até o fim, mas para nas defesas do goleiro Douglas do time carioca

por Mário Pereira

Enviar para um amigo

Todos os campos são obrigatórios.
Taubaté empata com o Botafogo e está eliminado  Burrinho se despede da copinha de maneira invicta (Foto: Divulgação / E.C. Taubaté)

Na tarde dessa sexta-feira, 11 de janeiro, os taubateanos compareceram ao estádio do Joaquinzão para empurrar o Taubaté contra o Botafogo. 


Mesmo tendo várias chances, o Burrinho parou na defesa do goleiro Douglas e apenas empatou em 1 a 1 contra os cariocas.

Com a igualdade no marcador, o Taubaté se despede da competição, já que não deve se classificar entre os 7º melhores segundos colocados da competição.

O Botafogo se classificou na liderança do grupo, de maneira invicta, vencendo duas partidas e empatando hoje contra o Taubaté.

O Jogo
Precisando da vitória a qualquer custo, o Burrinho mostrou disposição e foi para cima dos cariocas, que demonstravam nervosismo.

Aos 24 minutos o artilheiro Renan sofreu falta perto da área. O calibrado Raí cobrou e abriu o placar para o Taubaté. Com 43 minutos de jogo, Renan novamente sofreu falta, dessa vez dentro da área, mas o juiz não marcou o pênalti.

Precisando pelo menos do empate, o Botafogo foi para o ataque e no final do primeiro tempo quase marcou, mas Yuri salvou o Burrinho em cima da linha.

Com o retorno para o segundo tempo, o alvinegro carioca não perdeu tempo e empatou. Vinícius igualou o marcador aos 2 minutos.

Sabendo da importância de um gol para os taubateanos, o técnico Renê Hoffmann fez mudanças na equipe. Saíram Gilson e Lucão, para as entradas de Ícaro e Feu, respectivamente.

Aos 26 do segundo tempo, mais uma chance perigosa para o Taubaté, mas dessa vez o goleiro Douglas do Botafogo teve sorte, já que o chute de Eduardo explodiu no travessão e saiu.

Com a classificação na mão, os cariocas se recuaram e permitiram uma pressão do Burrinho, que tentava de todas as maneiras.

Nos 40 minutos do segundo tempo, novamente o volante Eduardo acertou a trave do Botafogo, deixando a torcida taubateana desesperada no Joaquinzão.

Mesmo com 4 minutos de prorrogação dados pelo árbitro, o Taubaté não conseguiu fazer o segundo gol. No final, 1 a 1 no placar, festa do Botafogo e tristeza do Taubaté, que praticamente deu adeus à competição.

Taubaté invicto
Apesar da derrota e da eliminação na Copa São Paulo de Futebol Júnior, o Taubaté demonstrou estar à altura de grandes equipes que disputam a copinha.

A equipe sai da competição de maneira invicta, com dois empates e uma vitória e com a marca de melhor ataque do Grupo O, com 5 gols.

Responsável de 4 dos 5 tentos do Burrinho, o atacante Renan sai da competição com status de estrela da equipe após marcar 2 gols contra o Gama e outros 2 contra o Santo André.

Comentários

O comentário não representa a opinião do Guia Taubaté e é de responsabilidade do autor da mensagem

Veja também