ESPECIAL CORONA VÍRUS

Acesse
GUIA DE EMPRESAS
Busque aqui: (produtos, serviços, etc)
Publicidade

Novo programa da Unitau oferece adiamento de mensalidades


“Parcele já” ainda prevê parcelamento dos valores e acordos em débito para alunos matriculados em 2020

Novo programa da Unitau oferece adiamento de mensalidades Programa pode ser acessado por meio do site da universidade (Foto: Divulgação/Unitau)
Publicado em 30/05/2020 17h17
por redação/ Guia Taubaté

A Unitau (Universidade de Taubaté) lançou nesta semana o programa “Parcele já”. Segundo a instituição, o objetivo é garantir a continuidade dos estudos de seus alunos e apoiar as famílias que sofreram perda econômica devido à crise do coronavírus.

Ainda de acordo com a universidade, o programa permite o adiamento de parte do pagamento das mensalidades e o parcelamento de mensalidades e de acordos em débito para os alunos matriculados em 2020 na graduação presencial e no Colégio Unitau.

Os estudantes que desejarem aderir ao programa, precisam se inscrever diretamente pelo portal do aluno, no site da Unitau, declarando a renda e os motivos que levaram à redução ou à perda de renda familiar. Os alunos contemplados serão beneficiados com o adiamento de 30%, 50% ou 70% das mensalidades de agoto, setembro e outubro.

Já a flexibilidade de acordos deve ser feita na Pró-reitoria de Economia e Finanças. Os alunos que cursam do primeiro ao penúltimo semestre terão de dar uma entrada de 20% e parcelar o restante em até 12 vezes. Já os alunos do último semestre precisarão dar uma entrada de 60% e parcelar o restante em até 12 vezes. Para os alunos que já tinham acordo e não conseguiram cumpri-lo, o programa Parcele já permite retirada da multa de 20% para um novo acordo.

Por fim, o “Parcele Já” concede desconto de 10% na rematrícula aos estudantes que estão adimplentes.

espaço publicitário do Guia de Empresas
Oficina R Tonin - Guincho
Locação de Guinchos, Guindastes e Muncks

Oficina R Tonin - Guincho

Guincho 24h - Carros, motos, caminhonetes e vans.

(12) 97405-...

Comentários

Utilize o Facebook para comentar a notícia

Ver todas as noticias