Anuncie sua empresa no Guia de Empresas

Anuncie
GUIA DE EMPRESAS
Busque aqui: (produtos, serviços, etc)
Publicidade

Cesta básica registra aumento de preço após dois meses de baixa


Números de setembro mostram que custo médio nos supermercados do Vale do Paraíba subiu 0,94%

Cesta básica registra aumento de preço após dois meses de baixa Mamão puxa a fila dos produtos que mais encareceram no mês de setembro (Foto: Divulgação)
Publicado em 15/10/2018 12h30
por redação/ Guia Taubaté

Depois de dois meses de queda, o preço da cesta básica voltou a subir no mês de setembro. Isso é o que revela a pesquisa mensal do Nupes – Núcleo de Pesquisas Econômico-Sociais, que indica um aumento de 0,94%, com um preço médio de R$ 1.538,03 para uma família com 5 pessoas e renda mensal de até 5 salários mínimos. Em agosto, o custo foi avaiado em R$ 1.523,69.

O preço mais elevado também foi registrado nas quatro cidades que recebem o estudo: Caçapava (1,11%), Campos do Jordão (0,63%), São José dos Campos (0,94%) e Taubaté (1,08%).

Entre os custos médios, São José dos Campos segue com o maior valor, avaliado em R$ 1.550,81. Já Caçapava segue com o mais baixo, em R$ 1.518,55.

Os alimentos que mais contribuíram para o aumento do preço em setembro foram mamão (18,24%), laranja pera (11,33%) e a cenoura (9,18%). Segundo o Nupes, estes produtos encareceram por conta da baixa oferta.

Por outro lado, cebola (- 28,39%), batata (- 20,18%) e leite em caixa (- 7,25%) puxam a fila entre os produtos que tiveram queda de preço no último mês.

Este é o primeiro aumento na cesta básica do Vale do Paraíba, desde o mês de junho. Naquela oportunidade, os supermercados sentiram os efeitos da manifestação dos caminhoneiros, ocorrida no mês anterior.

espaço publicitário do Guia de Empresas
Angel´s Cabeleireiros
Salão de Beleza e Estética

Angel´s Cabeleireiros

Cortes, escova, coloração, luzes, hidratação, penteados e escova progressiva. Venda de produtos,...

(12) 3633-4...

Comentários

Utilize o Facebook para comentar a notícia

Ver todas as noticias