GUIA DE EMPRESAS
Busque aqui: (produtos, serviços, etc)
Publicidade

Envenenamento de gatos preocupa moradores de Taubaté


Casos que ocorreram no Parque São Luiz, na última semana, repercutiram nas redes sociais

Publicado em 18/05/2018 17h49
por Barbara Monteiro (sob supervisão de Mário Pereira)

Imagine só você ter um gato, e no dia seguinte ele amanhecer morto por envenenamento. É exatamente esse o problema que moradores de Taubaté estão enfrentando.

Há duas semanas, o gato de Mikaelly morreu dessa maneira. Depois de dar uma volta, ele até voltou para casa, mas, já não era mais o mesmo. “Ele saiu para a rua, e quando voltou já estava muito debilitado”, contou a estudante.

Mikaelly é moradora do Parque São Luiz, e não foi só com o gato dela que essa tragédia aconteceu. Ela relatou que na semana passada, encontrou em seu bairro, vários gatos mortos da mesma forma, dentro de sacos de lixo.

Um levantamento da Polícia Civil mostrou que os registros de boletins de ocorrência de agressão contra os animais diminuíram nos últimos tempos. Apesar disso, diversos relatos sobre casos semelhantes viralizam constantemente nas redes sociais.

Gatos foram encontrados dentro de sacos de lixo no bairro Parque São Luiz

Afonso Neto é presidente da Associação Vida, uma ONG que ajuda e defende os animais. Ele contou que casos como esses são comuns na cidade, e aconselhou sobre os cuidados que a população deve ter ao presenciar um animal envenenado, como realizar um boletim de ocorrência de autoria desconhecida, e levar o bicho ao veterinário para realizar a constatação sobre a causa da morte.

continue depois da publicidade Publicidade

Ao adotar um animal na ONG, o responsável precisa tomar diversas medidas. No caso de gatos, por exemplo, o essencial é que o ambiente seja telado. O ativista explicou que no ato da adoção de um gato é realizada uma entrevista detalhada, em que o adotante se compromete a adotar todas as medidas de segurança do animal, além de pagar a castração.

Para aqueles que se interessam em adotar um gato, Afonso deixa um alerta. “Você cria seu cachorro solto? Por que gato tem que ser criado na rua? O brasileiro tem que acabar com essa mania de achar que gato é livre. É livre dentro de casa”.

espaço publicitário do Guia de Empresas
Clínica Leve Vida
Clínicas Médicas

Clínica Leve Vida

Vacinas para quem vai viver 100 anos!

(12) 3632-2...

Comentários

Utilize o Facebook para comentar a notícia

Ver todas as noticias